Geral

MEC acerta ao promover novos cursos técnicos, diz Lucena

Por Deborah Sena - quarta, 21 de outubro de 2020
 

Brasília - O Brasil está avançando na oferta de educação profissional e tecnológica. Portaria recente do Ministério da Educação (MEC) autorizou 515 novos cursos técnicos em instituições privadas de ensino superior. Por intermédio dessa medida, cerca de 645 mil novas vagas serão oferecidas pelas instituições. Para o deputado federal Roberto de Lucena (Podemos-SP), “o ministro Milton Ribeiro marcou um golaço. Iniciativa totalmente alinhada às necessidades do povo brasileiro em matéria de qualificação e contribui, amplamente, com o desenvolvimento do país através da oferta dos novos cursos. Parabéns ao Ministro e parabéns ao Presidente Bolsonaro”. 

“Preparar nossos jovens para ocupar postos no mercado de trabalho, de maneira imediata, significa atrair investidores e preparar um cenário otimista para a retomada econômica, com mão de obra qualificada, fazendo empresas progredirem e impulsionarem o crescimento do país”, ponderou o parlamentar que é titular da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados.

Em 2019, o censo escolar apontou 1,8 milhão de estudantes ocupando a modalidade de ensino técnico. Ao criar as novas vagas, a Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) atendeu a 1,7 mil pleitos apresentados por instituições. Em junho deste ano, o MEC viabilizou outros 207 novos cursos, correspondentes a mais de 60 mil novas vagas.