País que quer combater à corrupção só tem 166 procuradores no MP de Contas

Finalmente foi revelado sem camuflagem a situação real do Brasil que quer combater à corrupção. A verdade é que o nosso país só conta, atualmente, com 166 procuradores do Ministério Público de Contas (MPC) para fiscalizar as contas públicas dos mais de cinco mil municípios brasileiros, dos 26 Estados, do Distrito Federal e da União.

O levantamento foi feito pelo Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais de Contas (CNPGC), divulgado na última quarta-feira (14), em Brasília.

Os MP de Contas têm como missão a defesa da lei e dos princípios constitucionais da Administração Pública em todas as matérias sujeitas ao controle externo como, por exemplo, fiscalização de contas públicas, de contratos, de compras, de atos em geral e, inclusive, de admissão de pessoal e concessão de aposentadorias, reformas e pensões.


O Conselho é presidido pela Procuradora do TCE-DF, Cláudia Fernanda de Oliveira Pereira.